Trabalhar como dentista no Canadá

Semana passada vi um artigo com o seguinte titulo.“Empregos de dentista no Canadá com salário médio de 100 mil por ano ” .

Quem não quer um emprego desse?  O artigo também citou as opções para validar o diploma  dessa forma

 :  “Existe 2 formas de conseguir isso: a primeira, fazer apenas a primeira prova do NDEB e, se aprovado, você pode se matricular numa instituição de ensino e cursar o terceiro e quarto ano do curso. Essa forma é mais demorada e bem mais cara. Os cursos de odontologia para alunos internacionais no Canadá ficam em torno de CAD 72,297 (valor da Universidade de Toronto) por ano. Bem caro! A segunda forma é fazer todas as etapas do NDEB e o custo fica CAD 11,000 para todas as etapas. Ao todo são 5 provas que você podem encontrar no site também. Lá tem um mapa explicando todas as etapas, valores e datas.”

Acontece que a história não é bem assim. A realidade é “um pouco” mais dura do que foi passado. O “um pouco” esta entre aspas porque na verdade a realidade é bem mais dura J

Vamos ao passo a passo para a revalidação.

1   Vire o site oficial  National Dental  Examining Board of Canada – NDEB – de cabeça pra baixo .  Segundo o site para os que são graduados por uma faculdade “non-accredited” a pessoa tem duas opções:

A) participa do “accredited completion program”

B) ou passa pelo NDEB Equivalency Process.

Depois de terminado opção A ou B então  a pessoa é elegível para participar do Writen e  OSCE Examinations. Poderia comparar estas duas últimas provas  com a prova da ordem dos advogados no Brasil. Aqui todos tem que fazer a prova do Board para poder ter a licença para trabalhar como dentista, seja você que esta no processo da  revalidação ou a pessoa que esta fazendo a faculdade aqui no Canadá.

Então , teoricamente, o primeiro passo para dar inicio no processo de revalidação é abrir um profile no site  do NDEB para aplicar para o  processo de Equivalência e verificação dos seus documentos.

Esta fase da verificação dos documentos é muito “chata” e já vi colegas ficarem para trás ou perderem deadline para marcar a prova porque teve resposta negativa do NDEB.  Ou porque o documento não estava de acordo com o que eles pedem ou porque a forma de envio foi errada, entre outras razões.

O site é claro no que pede, e se você mandar uma virgula errada teu processo de verificação dos documentos não será finalizado e você não poderá marcar tua primeira prova.

Gastos para verificação dos documentos:

 Aplication fee = CAN$ 800.00

Tradução de todos os documentos – diploma, certidão de casamento ou nascimento, transcripts que devem ser feitos aqui no Canadá de preferência.

Veja:

 ” The NDEB will look for the following criteria when reviewing notarized documents and original certified translations:

Notarized:

  • notarized photocopies must bear the original seal and signature of a Notary Public or a Commissioner of Oaths
  • the Notary Public or Commissioner of Oaths must make a photocopy of the original diploma/degree issued by the university or other original documents and placed their stamp/seal on the photocopied document
  • the seal/notary statement must state that the document is a true copy of the original document seen by the individual who has notarized the document
  • original seals must display the credentials of the individual in English or French

If you are unable to have documents notarized by a local Notary Public or Commissioner of Oaths, whose credentials are in English or French, you may have documents notarized by an Officer of a Canadian Consulate or Canadian Embassy. “

Você que está ai no BR e não tem como ter a tradução feita por um profissional registrado no ATIO tem a opção de passar por um oficial do Consulado do Canadá ou Embaixada canadense para ter este carimbo ou selo autenticando os documentos que você precisa enviar ( não_faço_ideia_do_custo_disso)

Aqui no Canadá cada copia notorized custa 14.95+ taxas e a tradução de um documento em média vai custar uns CAN80.00.

Faça as contas de quanto isso vai  te custar no total ( traducoes+ application fee+ notorized copies) 😉

Com a documentação verificada e aceita por eles aí você poderá marcar a primeira prova – AFK – Assessment of Fundamental Knowledge – que custa CAN$ 600.00.

Quando eu fiz a minha aplicação e marquei a prova AFK eu gastei entre sedex , documentos, traduções e fees exatamente CAN$2000.00

Ok, agora você está pronto para a primeira etapa e “vamo que vamo” estudar.

No site oficial na aba Fundamental Knowledge >Protocol você vai saber o que cai na prova, a porcentagem de questões de cada assunto, os livros de referencias etc. E aí você tem que ir atrás desse material ( que poderá lhe custar mais alguns $$$) Eu não registrei quanto eu gastei com isso. 😦

Pronto já fez a prova do AFK , passou e esta todo feliz da vida! Agora é seguir pra segunda fase e é aqui que você tem duas opções:

Opção1– fazer mais duas provas praticas o ACJ e ACS , clinical judgment and clinical skills.

A primeira ainda é teoria, mas a segunda é prática e você vai precisar sim fazer o curso preparatório aqui para seguir o protocolo deles ( esquece teus 20 anos de vícios ops eu quis dizer experiência ok).  Para este fase você vai gastar brincando CAN$ 20.000.00  e aí tem muitos que falam : capazzzzzzzzzzzzzzzz você ta exagerando!!  Aham, espere e veja então. lol

Curso preparatorio > CAN$ 4000.00 (ACS) + materiais aproximadamente uns CAN$ 10.000.00( se comprar novo)  + prova do ACS > CAN$ 5.000.. >>> total =19.000.00 . Eu nem to citando que você teria que estar aqui para fazer este curso tendo gastos com moradia, comida e transporte ok.

Custo da prova ACJ >>CAN$ 1200.00

Total da segunda fase opção 1 : 20.200.00 aproximadamente J

Ok mas eu quero ir para a universidade.

Opção 2 –   cada aplicação para a universidade custa CAN$ 250.00 e de novo você tem que enviar documentos (como diploma, certidão de casamento, transcripts,) e tudo traduzido  e notorized . Aí você soma o  envio dos documentos, prova de proficiencia  (IELTS ou TOEFL), o custo da money order,  entre outras coisas.  Eu gastei CAN$850.00 para fazer a aplicação em UMA universidade. E daí fica numa ansiedade lascada na espera para saber se você será ou não convidado a participar do processo seletivo da universidade.

Cada universidade tem o seu processo seletivo. Onde eu apliquei  você tem que fazer uma prova pratica que custa CAN$ 1500.00 e para fazer esta prova  tem o custo do curso preparatório e material clinico, hotel porque não é na cidade onde você mora, etc e eu começo a perder a vontade de ficar somando porque , de verdade, da desespero hahahaha.

Ok passou pelo processo seletivo da universidade  e foi aprovado . Ai você chama tua amiga mais loca para correr pela cidade gritando de alegria porque você conseguiu sobreviver a toda esta maratona ( Priscila me aguarde pq vc prometou e promessa é divida:  você vai correr na neve gritando de alegria por mim  hahaha)

Ai vem o custo da universidade,  pode preparar 150 mil dólares e lembre não tem como você trabalhar enquanto está na universidade. De verdade não tem como trabalhar e estudar ao mesmo tempo. E você terá custo com moradia, comida , vida!!!

Mas aqui entra um outro fator, primeiro para você poder ir para uma universidade  você tem que ser  cidadão ou residente permanente. Ou seja, você tem q ter passado pelo processo de imigração. Ahhhh a imigração dá um poste novo, mas este nem vou entrar em detalhes porque já teve tantas mudanças nas regras que nem ouso falar sobre o novo processo de imigração hoje. Sorry!  Porém até onde sei, antes da última mudança neste processo ,dentista não estava mais na lista de profissionais para imigração 😦

Ok então você vira e fala:- não vou pra universidade e vou só fazer as provas. Mas para você trabalhar como dentista aqui no Canadá só sendo cidadão ou residente, ou seja, sem imigração, não tem como! rá rá rá , não teve graça :-/

Bem, vale lembrar que como residente temos algumas  “ajudas” do governo. Como por exemplo, depois que você foi aceito pela universidade você poderá aplicar para o OSAP (você recebe uma ajuda do governo para estudar) mas o valor do osap, no caso da odontologia, não é suficiente e você vai precisar pegar empréstimo no banco para poder estudar.Que funciona mais ou menos como o antigo credito educativo. Eu estudei com este credito educativo no BR .:)

Para a opção de fazer somente as provas não tem ajuda alguma do governo, tudo sai do teu bolso!!!

Finalizou a universidade ou as provas ACJ/ACS  ai você vai pro Written & OSCE examinations que eu ainda não sei o valor  (não fui atrás)

Bem, não é fácil , independente da opção que você fizer, o processo de revalidação NÃO é fácil, mas não é impossível. Tem uma amiga que já tem clinica aqui e outro que terminou todo o processo e já esta com sua licença para trabalhar e outro que esta fazendo a ultima prova agora em maio. Fora outros que não tenho amizade mas sei que são brasileiros e já passaram por toda essa “tormenta chamada revalidação” e estão trabalhando ou já montaram sua clinica.

Se algum colega meu ai no BR me perguntasse e aí , vale á pena? Eu diria SIM vale á pena. Porém eu sempre falo também que imigração não é para todos! Tem que estar muito, mas muito mesmo, desejoso  por mudanças, desafios, aprendizado etc.

Chegar num país e ter que aprender tudo de novo  desde como usar o transporte publico, tirar carteira de motorista ( não pense que é chegar aqui e dirigir e pronto hahaha é ridiculo mas não é assim ) . Resumindo tem que ter um motivo muito forte para você querer imigrar. Eu tinha, eu não agüentava mais o “jeitinho brasileiro” em tudo, a violência, entre outras coisas. Saí da minha zona de conforto ( que nem era tão confortável assim ) e to aqui  completando 2 anos e 6 meses HOJE . J Dois anos e 6 meses de aprendizado, crescimento pessoal e espiritual também. Dois anos e 5 meses de saudade da minha filha que optou por ficar no BR. Dois anos e 6 meses de saudade da minha mãe. Dois anos e 6 meses de saudade da torta alemã da confeitaria São José em Joinville e dois anos e seis meses de saudade de pisar na areia de praia de verdade  (Bombas e Bombinhas) !! Mas se alguém falar : volte pro BR então. A minha resposta será: nem a pau Juvenal! hahahaha

Bem, como eu não poderia perder a oportunidade de fazer propaganda da minha agencia de intercambio,a Maple Exchange caso você queira saber mais sobre como se qualificar para a imigração, já que dentista não está na lista de profissões para a imigração, sinta-se a vontade para enviar um email para silney@mapleexchange.ca estou á disposição para esclarecer quaisquer dúvidas. Visite também nosso site http://www.mapleexchange.ca e curta nossa pagina no facebook clicando AQUI.

O post ficou bem longo mas não tinha como reduzir :-/

See you guys!

Comemorando dois anos no Canadá.

bolo2anos[3]

Hoje estamos de aniversário : dois anos residindo no Canadá. 🙂

Só dois anos? É tudo muito estranho porque parece que estamos aqui há muito mais tempo. Deve ser pelo  fato de que aqui nós nos sentimos em casa. Pelo menos para mim é assim que eu sinto: Toronto –  where I really belong!

Estamos amando morar aqui, não temos do que reclamar com relação á nossa vida aqui. Cleber tem um bom emprego, ama o que faz, Kaio está estudando, a Maple Exchange está caminhando com passos firmes e isso me deixa muito feliz da vida. Aliás, aproveita e dá uma espiada no nosso site clicando AQUI e passa pela nossa página no facebook. (rá não poderia perder a oportunidade de fazer uma propagandinha, eh? rs

Resumindo, já temos uma boa rotina, sim eu gosto de rotina! Preciso ter rotina para poder ter o prazer de quebrá-la vez ou outra rs rs rs.

Mas ás vezes dá muita saudade “de casa” (leia-se: algumas pessoas que ficaram por lá). E uma pergunta que sempre rodeia quem mora fora é: “Quando vocês vão voltar pro Brasil?” Sempre tem alguém que vem com esta pergunta e aí fica uma conversa sobre voltar pro Brasil ou não voltar, como seria se você voltasse e aí não tem jeito acabo me pegando ás vezes pensando :  se eu voltasse, como seria?  E já me perguntei também:  Será que daqui alguns anos eu terei vontade de voltar ao Brasil para morar novamente?

Quando fico com essas perguntas no ar ou quando esse assunto aparece na roda eu sempre acabo voltando para o que me motivou a sair um dia do meu país. E motivo que não faltou para tomar a decisão de largar tudo e recomeçar tudo do ZERO em outro país. A falta de segurança, falta de educação, falta de tolerância , e como sou da área da saúde, a falta de saúde pública.

O ponto que chegou a saúde pública é lamentável e nem vou falar sobre a minha amada odontologia, é triste demais o nível que chegou. Falta tanta coisa no nosso Brasil e por outro lado sobra outras mais  como desigualdades, exclusões e injustiças e o tal  “jeitinho brasileiro”.

Tenho nojo disso. Desculpem -me quem faz uso desse “jeitinho” mas eu simplesmente ODEIO. E fujo disso e de quem age assim.Poderia ficar aqui falando um montão sobre isso mas nem vale à pena. Dureza mesmo  é você sair do teu país e ainda “dar de cara”com alguns brasuca e estes tentarem fazer você “aceitar”isso como normal. Aff deixa pra lá. rs

Voltando pro nosso Canadá, quando vim a primeira vez para Toronto, em março de2010, eu simplesmente me apaixonei e tive a certeza que era aqui que eu queria viver. Tudo era novo, diferente e por isso me fascinou? Sim tudo era novidade para mim e então eu ouvia: ah você esta deslumbrada!

Realmente eu fiquei deslumbrada com o fato de que aqui eu podia andar com meu celular na mão , no ônibus ou metro, nas ruas sem medo de tomarem o aparelho de mim.Ver pessoas usarem seus notebooks no transporte publico, e praças sem medo . Poder andar num transporte publico sem ficarem tentando se esfregar na gente. As varias oportunidades que o Canadá tem a oferecer, foi o que me estimulou a escolher este país para recomeçar uma vida. e detalhe, aos 45 anos. É aos 40 você pode!

Aqui eu aprendi que não precisamos de muito para ser feliz. Com pouco dinheiro você pode se divertir , viajar de vez enquanto ( o que ainda está um pouco fora da minha realidade pois enfrentar um processo de validação do diploma na minha área exige muito empenho emocional e financeiro). Mas é possível curtir a vida de verdade e sem muitos gastos.

A minha felicidade aqui no Canadá não se encontra no shopping ou na manicure de toda semana ( alias …nem vou comentar rs rs)

Na verdade aqui se trabalha para viver e não se vive para trabalhar (embora conheça pessoas q vivem para trabalhar- #pobre coitados- #azar deles).

Esta situação de viver pra trabalhar é algo que me marcou muito quando um medico  me chamou a atenção perguntando exatamente isso. Numa consulta ele fala: Você vai ficar doente assim , afinal você trabalha pra viver ou vive para trabalhar? E não deu outra, meses depois tava eu lá doente. Foi um chacoalhão para mim. ( coincidentemente este mês está fazendo 20 anos que isso aconteceu)

Não estou falando que aqui é O paraíso. Tem  problemas no Canadá? Ooooobvio que tem. Mas, para mim, poder ver que no mesmo edifício que eu moro  também moram a faxineira ou  alguém  que trabalha na construção , o médico ou advogado é tudo de bom.

Sabe por quê isso acontece? Porque aqui a diferença entre as classes é muito, mas muito menor.

Poder sentir o quanto qualquer profissional é mais respeitado aqui do que no nosso Brasil é de estimular a qualquer um querer ficar aqui por muito tempo! Quem sabe pra toda vida!

E quando você vai no seu médico de família, e o meu é O cara  e ele te atende (ás vezes) usando tênis e moletom e ninguém fica duvidando da capacidade dele só porque ele não esta “engravatado ou com camisa do jacaré” . Saber que aqui ninguém fica olhando para a marca da roupa que você esta usando, até mesmo porque aqui qualquer um pode se vestir muito bem. E vamos combinar, os que ficam olhando, normalmente são seus amigos brasileiros que ainda tem muito de”Brasil”neles. Aff#prontofalei lol

Outra coisa que eu gosto muito aqui é ter meu espaço preservado , o respeito de não invadirem o meu espaço é o que eu mais gosto na cultura canadense e fico muito triste quando vejo gente quebrando esta regra.  Infelizmente toda vez que isso aconteceu comigo foi com brasileiro e seu jeitinho de chegar chegando. Mas não posso  falar que só brasileiro que me  “decepcionou” com isso. Pessoa de outra nacionalidade também e para mim foi um choque porque não esperava esta atitude, mas depois sabendo da origem da pessoa e sobre a cultura dela até deu para entender( mas não aceitar).

Poder vivenciar a diversidade cultural é tudo de bom. Eu simplesmente A-DO-RO . Abre os horizontes do pensar.E você vê que existe vida além do Brasil.

Ok, vamos ser sinceros , vida de imigrante não é fácil. Você tem que lutar muito para conseguir seu espaço ao sol, e ás vezes alguns nem mesmo conseguem e os motivos muitas vezes não é a falta de capacidade e sim o sistema que nem sempre é claro ou justo. Mas como no meu vocabulário palavras como persistência , teimosia , dedicação são fortes , não será qualquer barreira que vai me derrubar, pode ate desanimar mas derrubar não. Afinal de contas o verbo “to give up”não existe na minha lista 😉

Como lema eu sempre falo: cansar pode, desistir não pode!

Enfim com relação a voltar ao Brasil eu me pergunto : quem depois de viver a segurança no lado de cá , uma vida com qualidade , poder atravessar a rua com segurança sabendo que vão respeitar a faixa de pedestre, poder ficar despreocupada que teu filho esta na rua com os amigos depois da meia noite e que vai voltar para casa ás vezes de ônibus ou metro, andando um trecho á pé , conhecer um mundo de diversidade e cultura , quem vai querer voltar a viver numa casa com grades e cercas com medo de tudo? Eu não, mas não mesmo!

Gostaria de viver entre os “meus queridos” mas cada dia que passa sinto-me menos parte deles e o que me consola é saber que o mundo é grande demais para nascer e morrer no mesmo lugar!

Eu penso que todos deveriam um dia sair de sua redoma ou zona de conforte e experimentar esse mundão ai fora, ver o mundo com outros olhos e de um prisma diferente, aprender coisas diferentes e aproveitar a oportunidade para mostrar o lado bom da sua cultura também. É, sim nós temos coisas boas a mostrar também.

Eu cheguei já a me pegar pensando: Quem sabe voltar ao Brasil e lutar para mudar algo, fazer dele um lugar melhor. Mas seria muita ingenuidade da minha parte achar que conseguiria isso. Brasil , país de duas faces: lindo e horrível ao mesmo tempo.Desculpe mas é assim que eu vejo meu país hoje.

Agradeço a Deus o privilégio de estar exatamente onde eu estou hoje e sei que muitos , se pudessem , estariam aqui também !

O que o futuro me promete eu não sei. Só sei que eu estou fazendo a minha parte , sai da minha zona de conforto , abri meus horizontes estou lutando e agora é só eu e Deus!

Felicidade para mim é isso, poder ir além , testar meus limites, viver sem paradeiro, sem pausa e sem pressa, se assim eu sentir desejo (sim ando com vontade de viajar e conhecer novos lugares. As rodinhas nos pés andam doidas para entrar em ação).

Outubro aqui é mês de Thanksgiving , mês que eu e Cleber contamos nosso tempo de redescobertas e desafios no Canadá também,! E eu só tenho a agradecer a Deus por tudo que tivemos desde o primeiro dia que colocamos nossos pés nessa terra até o momento. Cada pessoa que cruzou nosso caminho teve um porquê.Cada experiência até aqui só nos fez enxergar o quanto somos pequemos e nosso Deus enorme e que então nos faz fortes o suficiente para continuar com passos firmes de quem sabe onde quer chegar! 🙂

Almejei conhecer mais o ser humano, atravessei o oceano e descobri  um mundo cheio de alegrias e tristezas também. Mas voltar a ser a mesma pessoa, nunca mais!

E viva o Canadá ,viva a diversidade cultural! 🙂

18 de Outubro será lembrado para sempre 🙂

Aprendi com o passar dos anos…

Esta semana ando muito pensativa. Consegui reviver um turbilhão de coisas em 5 dias. Algumas boas outras nem tanto. Senti uma forte saudade de “casa” , do colo de mãe que só quem mora muito longe pode entender isso. Acabei me deparando com este texto que conseguiu expressar o que ando sentindo.

“Aprendi com o passar dos anos: Que “colhemos aquilo plantamos”, mas muitas vezes também, colhemos o que não plantamos, mas que foram plantados pelos outros.Que “nem tudo que reluz é ouro”, mas quem nasceu para brilhar, não precisa lustrar. Que há pessoas que nascem sorrindo, vivem fingindo e morrem mentindo.

Aprendi com o passar dos anos: Que a verdade geralmente, perde-se em discussões prolongadas. Que os amigos verdadeiros são mais raros que os diamantes. Que os tempos difíceis não duram eternamente, mas os fortes, esses sim, permanecem inabaláveis.

Aprendi com o passar dos anos: Que o mesmo sol que derrete a cera, é o mesmo que endurece o barro, a vida é feita de perspectivas. Que o mundo evoluiu, mas Deus não se modernizou, e que o pecado continua sendo pecado. Que o silêncio vale ouro”, mas há momentos em que silenciar é mentir.

Aprendi com o passar dos anos: Que não devemos levar para a cama o amanhã, pois ele só causará insônia. Que não se pode tropeçar quando se está ajoelhado. Que é melhor evitar a isca do que lutar contra a armadilha.

Aprendi com o passar dos anos: Que é melhor acender uma pequena vela do que maldizer a escuridão da noite.Que é preciso ser perseverante, pois foi pela perseverança que o caracol chegou à Arca de Noé.Que são nas noites mais escuras, que as estrelas brilham mais.

Aprendi com o passar dos anos: Que as preocupações trazem as nuvens de amanhã sobre o sol de hoje. Que aqueles que não trabalham, são os que mais atrapalham. Que podemos fazer coisas em um instante, das quais nos arrependeremos pela vida inteira.

Aprendi com o passar dos anos: Que apenas uma grama de fé é mais precioso que um quilograma de conhecimento.Que os bens terrenos são transitórios como as flores do campo.Que as pessoas são o que são e não o que vestem.

Aprendi com o passar dos anos: Que devemos amar as pessoas como se não houvesse amanhã. Que um conselho recusado é mais tarde relembrado.Que as árvores frondosas, já foram humildes sementes.

Aprendi com o passar dos anos: Que a morte iguala a todos, mas o destino não. Que algumas das maiores dádivas de Deus são orações sem resposta.Que o caminho estreito não tem problemas de trânsito

Aprendi com o passar dos anos: Que depois dos 40 anos, o que a maioria das pessoas considera virtude é apenas perda de energia. Que as decisões de Deus são misteriosas, mas estão sempre a nosso favor. Que todos nós vivemos sob o mesmo céu, mas não temos os mesmos horizontes.”

Por António Magnani

Tirando a poeira novamente.

Dois anos sem escrever e dar noticias. Passou rápido este tempo e nem me dei conta.

Na verdade até me dei conta sim, mas sempre falava depois escrevo , depois escrevo e nunca escrevia e aí as notícias ficam velhas não eram mais novidades e perdia de certa forma a graça de escrever por aqui.

Outra coisa que também contribuiu foi o facebook. Lá é tudo tão rápido e instantâneo que o blog ficou mesmo empoeirado.

Sentia saudade da época que havia uma interação maior devido ao blog. Conheci varias pessoas através do blog.

Aí que chega uma pessoa sempre postando no FB : tem post novo no ar e eu um dia cliquei para ver pois o titulo chamou a atenção e simplesmente amei o jeito dela escrever e as coisas que ela divide no blog . Então passei a seguir e a vontadezinha de escrever foi voltando. rs

Entrei agora aqui e fui relendo meus posts e é muito legal pois você vai lembrando coisas que você viveu , lugares que visitou, situações etc e confesso,mole do jeito que sou: chorei! kkk…. Chorei quando vi o post sobre meu voznho. Bateu muito mas muita saudade mesmo. Chorei quando vi o post falando do meu sobrinho que era nene na época, da festa de aniversario surpresa que fizeram pra mim quando eu estava aqui sozinha no Canadá em 2010.Até vi o quanto mudou o modo de me expressar ou escrever( o formato em si) kkkkk ….. Mas também senti um prazer enorme ao ler o post sobre dia dos namorados em  2010 e relembrar o inicio do meu relacionamento com Cleber. nem acredito que já se passaram 4 anos!!!

Enfim vamos ver se eu não deixo mais criar poeira nesse blog hahaha

Poderia fazer uma retrospectiva desses dois anos…mas acho que, sei lá, o post iria ficar muito extenso kkk …quem sabe vamos deixar as coisas rolarem mais á vontade e aos poucos eu vou contando como anda vida no Canada , combinado? 🙂

Wainting!!!


5 meses e tres dias ja se passaram e estamos aqui esperando!!!!

Confesso q eh bastante dificil para mim…..o esperar rs… eh um exercicio de paciencia e tanto.

O q me deixa em paz eh saber q meus docs ja estao em SP no consulado e a qq hora chegara o pedido de exames medicos.

Nao vejo a hora de poder realizar estes exames e ver finalizado este processo.

Na verdade…nao vejo a hora de poder voltar pra Toronto hahahaha..oOOOooo saudade!!!.

Missao cumprida !!!

Tem um mes q nao passo aqui pelo blog…. rs..a poerinha ja tava acumulando aqui ne? rs

Domingo passado foi a eleicao novamente ..e eu fui la no consulado de novo fazer o voluntariado …e no dia seguinte quando vi q a dona Dilma venceu…aff…fiquei triste !!! …melhor voltar pro BR pegar o restinho das minhas coisas e pica a mula de la !!! kkk…mas este espaco aqui no Blog nao eh para discutir politica entao mudando de assunto….

Ontem fez exatamente 8 meses que estou no Canada…e ontem fiz meu IETLS…ihulllll….. aff q stress que eh esta prova…tudo e mais um pouco q vcs puderem imaignar eu sentir e tive hahah suor frio…maos geladas… a vista embaralhou….. o coracao ficou disparado a maior parte do tempo…..senti calorrrr no friozinho q ta fazendo aqui hahaha….colocava blusa… tirava blusa…e nao eh menopausa antes q alguns comentem ta….era nervoso mesmoooooo kkkkkk

A prova eh uma maratona….eh um teste de resistencia mais do q de proficiencia..mas sinto que me dei bem…sai de la confiante!!!!!

Ah e mais nunca pensei que uma deficiencia seria tao interessante na minha vida rsrs..explico….eu tenho deficiencia auditiva..uso um aparelhinho no ouvido pra poder escutar melhor…nao sou nenhuma loba ma..mas so escuto melhor com a ajuda deste aparelhinho kkk…..e eu marquei na minha ficha de inscricao do IELTS isso..e pedi que gstaria de fazer a prova com fone de ouvido….logico que eu apresentei provas q tenho mesmo a deficiencia….e eles me cederam….o uso do fone…e pra minha alegria eu fiz a prova em uma sala separada dos outros canditados….sozinha o tempo todo…isso foi otimo pq o poder de concentracao aumenta ne??? rs

Agora a missao esta cumprida….e me resta esperar o resto do processo agora…..e sera la no Brazil zil zillllll….. ihullll…nunca pensei que eu iria ficar tao feliz de voltar aoa BR …. mas eh uma causa nobre….resolver o resto das minhas coisas por la…pegar minha familia…e voltar pra ca!!!….kkkkk

Semana que vem estou por la….e terei novidades boas tb…. mas ainda nem vou contar rs rs….deixa acontecer primeiro rsrss….

Neste 8 meses de Canada eu aprendi muita coisaaaaa….e uma delas foi…contar as coisas so depois q acontece… evitando assim um tanto de ansiedade…e me livrar dos olhos dos urubussecandus e de suas acoes e reacoes kakakakaka

Voltando pro assunto….esta semana eu tive uma situacao superrrr desagradavel aqui…..na terca feira eu depois de 8 meses de Canada fui….ROUBADA…. ou seria furto aff nunca sei quando um eh um e outro eh outro rs…..bem…estava eu na biblioteca pra la de concentrada estudando….e eis q uma mao leve ..leva a minha mochila e eu nem me dei contaaaa……quando fui querer ir embora que dei falta da minha mochila…o panico foi terrivel…pois …meus documentso estavam todos na moochila…..buaaaaa……caratao de credito…VTM. card…. o cartao do banco daqui do Canada…. minha carteira de motorista daqui…..tudoooo tudooo…e o restinho do dim dim q eu tinha aqui para passar o restinho da semana antes de viajar…..buaaaaaaa……la se foram as lembrancinhas da familia hahahhaha…. vao ter q se contentar so com a minha volta mesmo …coitados!!!!!!!!

A minha sorte q o passaporte andava so na gaveta de casa….senao eu estaria frita…..ufaaa.

Eu fiquei muito indignada e triste….com esta experiencia no fimzinho da minha estadia aqui. O policial foi super atencioso…e foi duas vezes ate minha casa…para saber se estava tudo bem.

No dia seguinte fui refazer a carteira de motorista…e o meu cartao do banco…e foi tudo muito rapidoooo nem meia hora ja tava feita a carteira e nem 10 minutos ja estava com outro cartao do banco em maos..e nem precisei ir na minha agencia mesmo…bastou perguntar em qq agencia do TD bank e a mocinha falou nao nao aqui mesmo ja faco pra vc e na hroa fez…pratico simples e sem burocracia ! hihi to gostando deste TD bank.

Bem apesar desta situacao chata q houve….eu posso dizer que nestes 8 meses eu amei estar aqui no Canada e sei que eh aqui mesmo que eu quero recomecar a minha vida… conheci otimas pessoa e outras nao tao otimas assim hahahah….eu ja sabia que o Canada nao eh nenhuma maravilha perfeita e que tem seus defeitos e problemas como qualquer lugar mas….que ele eh lindoooo e que vale a pena imigrar simmmmm….e eh isso que vou fazer se Deus quiser.

Aprendi que a minha teimosia eh uma qualidade mesmo…..pois…diante de tudo q passei aqui…qq um ja teria desistido no primeiro mes rsrsrs….ainda bem q eu herdei a teimosia do meu avozinho e que eu trupico mais nao caio kkkk

Agora to na corrida e dificuldade de arrrumar as malas…a vontade eh de deixar tudo aqui e ir so eu …..cade minha mae e minha filhaaa para arrumar minhas malas??? heimmm???? rs…

Vou tentar aproveitar um pouco estes ultimos dias q tenho aqui….comer donuts pq depois so quando voltar ne???….andar pelas ruas e ver as coisas por aqui um pouco ainda….. e semana q vem ihulllll air canada…>>>> Brazil zil zil…

E me aguardem pq noticias quentinhas devem estar por aparecer neste blog ok???

Quero agradecer o apoio que tive de minha familia…….do namo…dos amigos….e principalmmente de DEus .

Tirando a carteira de motorista

Oieee…..

Bem faz um tempinho q nao passo por aqui….depois de um turbilhão de coisas que aconteceram comigo em um prazo tao curto de tempo e tudo ao mesmo tempoooooo….. nao tive muita vontade de vir aqui e escrever, mas durante este turbilhão todo…muitas coisas boas aconteceram. Entre elas….eu fiz o teste para a G1 e passei.
O procedimento eh pra la de simples.

Vc vai ate este site AQUI neste site vc achará todas as informacões necessarias.

De modo resumido, vc vai no CONSULADO DO BRASIL que fica 77 Bloor Street West, Suite 1109, leva tua carteira de motorista do Brazil, um copia da tua pontuacao ( vc pega isso no site do detran ) e com estes docs em mãos e mais uma money order de $18,00 vc pede a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) brasileira legalizada pelo Consulado-Geral do Brasil em Toronto, demora 10 dias para ficar pronto este documento.

Então vc com estes docs, mais a traducão juramentada da tua carteira brasileira, vai ate o local onde vc vai fazer o teu teste para a G1 que fica na 700 Bay Street, leva teu passaporte, $ 85,00 , pega uma ficha no balcao de informacões, e

senta….e …espera…espera….espera…depois q vc estiver cansado
de esperar…vc espera mais um poucquinho só….leve um ipod….ouca tuas musicas, faca o momento de espera um momento de reflexão….e como todo setor publico quando vc estiver com vontade de ir embora pq nao aguenta mais esperar….

ai vc eh chamado…mostra teu passaporte, tua carteira brasileira , a traducao dela, ai vc vai preencher uma ficha, ela vai tirar um foto instantanea e como toda foto instantanea vc sai com cara de sei la o que rsrs….paga a taxa de $85, 00 e vai para uma salinha fazer o teste que eh de multipla escolha e vc faz em portugues….simples..e facil de fazer o teste, mas..vale a pena pegar o manual e dar uma lida para ver uns detalhes que sao diferentes aqui no Canada.

Eu peguei um manuel em portugues, na New Drivers que fica na 872 College street o site deles eh AQUI paguei $5,00 por ele.

Eles te falam na hora se vc passou ou nao…se passou…te dao uma permissão temporaria…e em 30 dias chega na tua casa a carteira definitiva. A minha cegou em 15 dias. Lindinhaaaa q sóóóó’ hihihi

É isso aí…fica a dica para quem quiser fazer a G1, agora eu sei q posso pular para a G direto….fazendo o teste pratico, mas sinceramente nao tive cabeca ainda para isso, mas quem sabe mes q vem….ai venho aqui e falo como foi o proximo teste ok?
Ah e vc pode fazer a carteira de motorista no Canada , mesmo sendo turista, sem nenhum problema, sem maracutaia, sem embromation, incluisve eu questionei a moca no balcao, eu estou como turista, posso fazer a carteira de motorista e ela disse sim pode sim.